BN - “A ideia é que a gente tenha uma redução” na tarifa de pedágio de novas concessões, diz Ratinho

BN - “A ideia é que a gente tenha uma redução” na tarifa de pedágio de novas concessões, diz Ratinho

16 de outubro, 2020

O governador Ratinho Junior defendeu, nesta quinta-feira (15), a participação de empresas estrangeiras na concorrência das próximas concessões de rodovias do Paraná. Os atuais contratos de pedágio se encerram no ano que vem. Alguns trechos vão ser oferecidos à iniciativa privada a partir de junho. As novas concessões vão ter validade de 30 anos.

O governo do estado recebeu da entidade que representa as Cooperativas do Paraná um documento que cobra mais transparência e concorrência nos próximos leilões de pedágio. A Ocepar defende “que os paranaenses paguem uma tarifa mais justa”.

O governador acredita que a participação de empresas estrangeiras vai permitir um contrato mais vantajoso para o estado.

Vão ser oferecidos três mil e 800 quilômetros de rodovias no Paraná. O setor produtivo do estado cobra que as futuras concessões adotem um modelo que traga investimentos e melhorias imediatas na malha rodoviária, com preços justos nas tarifas e garantia aos direitos dos usuários. O governador espera que o pedágio fique mais barato no Paraná.

Ratinho Junior esteve em Londrina, no norte do estado, para liberar recursos destinados a instalação da Cidade Industrial do município. Ele disse que o governo está “otimista” para reabrir as escolas para o maior número possível de alunos, ainda este ano.

Na semana passada, o governo do Paraná anunciou a retomada das atividades extracurriculares nos colégios, a partir de segunda-feira (19). Na rede estadual, vão ser reabertas 54 escolas de 30 municípios, em seis regiões. O retorno, no entanto, é facultativo à adesão das famílias. As aulas presenciais do calendário regular seguem suspensas.

Ouça

Fonte: Band News Foto: Geraldo Bubniak

 

Comente pelo Facebook

JORNAL Out/2020
Top