FETRANSPAR - SEST SENAT anunciam 110 milhões em investimentos no Paraná

FETRANSPAR - SEST SENAT anunciam 110 milhões em investimentos no Paraná

20 de abril, 2017

FETRANSPAR - SEST SENAT anunciam 110 milhões em investimentos no Paraná  

Durante a cerimônia de posse da direção do Serviço Social do Transporte (SEST) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SENAT), nesta quarta-feira (19), o novo presidente do sistema, Sergio Malucelli, anunciou investimentos na ordem de R$110 milhões na construção e ampliação de unidades operacionais em todo o Paraná.

Após 22 anos sendo administrado pelo setor de transporte de passageiros, o SEST SENAT terá uma direção com a visão de quem está no setor de cargas. O presidente Sergio Malucelli, também é o atual é o líder da Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná -  Fetranspar, cargo que ocupa em segundo mandato consecutivo.

“Será grande desafio, mas também uma oportunidade para ampliarmos o relacionamento tanto com as unidades operacionais do Sest Senat quanto com os sindicatos do setor do transporte como um todo. Integrados iremos identificar melhor as necessidades e soluções para todos o sistema de transporte do Paraná”, avalia Malucelli.

De acordo com o novo presidente, a qualificação e a prevenção dos profissionais do transporte serão os dois pilares bases dos próximos quatro anos. “Precisamos capacitar o corpo técnico e operacional para que as empresas se tornem mais competitivas, o que sem dúvida irá refletir na  qualidade do serviço prestado bem como na redução do número de acidentes, que envolvem transportadores de cargas e de pessoas”, avalia  Malucelli, que tem como meta o aumento em 20% no número de profissionais qualificados no mercado.

Hoje o sistema Sest Senat em todo o Paraná atua com 485 profissionais que atendem as demandas de funcionários e familiares de 22 mil empresas que aturam no setor de transporte. “Nos próximos três anos, nosso corpo funcional chegará a 800 com a inauguração das unidades, e teremos um serviço ainda mais ágil e eficiente”, afirma Malucelli.

“A ideia é articular as ações de desenvolvimento profissional e promoção social em um ambiente favorável às práticas educativas e sociais, que contribuam para o aumento da produtividade, da competitividade e do fortalecimento do setor de transporte paranaense”, destaca o presidente.

Roubo de cargas

Ao atender a imprensa, durante o evento, o presidente Sérgio Malucelli falou sobre o grave problema do roubo de cargas nas estradas do Paraná. “Recebemos informações constantes de que caminhoneiros e empresas estão sendo alvos de bandidos e quadrilhas especializadas. Precisamos de uma ação efetiva e integrada das autoridades onde não somente o bandido seja preso, mas também o receptador seja punido, só assim quebraremos essa cadeia do crime”, destacou.

Segundo dados da Fetranspar, a Federação recebe a informação 25 a 30 roubos mensais de cargas em todo o Estado do Paraná.  “Levamos estes dados às polícias rodoviárias e órgãos responsáveis pela Segurança Pública pedindo mais atenção a este setor que representa 6% do PIB do nosso Estado”, afirmou Malucelli. 

Fonte: Ascom FETRANSPAR

Foto: Valterci Santos

Comente pelo Facebook

JORNAL Ago/2019
Top