Retomada econômica paranaense

Retomada econômica paranaense

29 de junho, 2020

Passados mais de 100 dias da crise gerada pela pandemia da Covid-19, o setor de transporte de cargas já consegue ter uma visão mais realista sobre os primeiros impactos causados pelo vírus bem como dos resultados das medidas as quais já foram tomadas para proteger o setor de transporte de cargas.

Neste período, muitas foram as conversas com diferentes setores da economia, entidades representativas e governo Estadual. Ainda no mês de abril, o Governador Ratinho Junior anunciou a formatação de um grupo que trabalharia em um projeto para a retomada da economia no pós-pandemia. A ideia do grupo, liderada pelo vice-governador Darci Piana é desenvolver um projeto o qual possa ser implantado assim que os primeiros sinais de estabilização e controle da doença forem passíveis de se ter em mãos.

Neste grupo as principais entidades ligadas a economia estadual estão presentes. Entre elas a FETRANSPAR. Os trabalhos já iniciaram com a realização de reuniões que contou com a presença de presidentes das entidades do G7 (da qual a Federação faz parte) e entidades empresariais, Secretarias e entidades de Estado. Desses encontros surgiu o ‘Manual Reinvente sua Cidade - da Crise a Oportunidade’, o qual traz um apanhado de informações precisas que vão ajudar a orientar o impulsionamento da economia no pós-pandemia.

As instituições parceiras estão construindo com municípios uma maneira de enfrentar a crise de maneira realista, com o intuito de dar uma Norte e um ponto de partida para a retomada da Economia. A ideia do plano, lançado pelo Governo Estadual é, por exemplo, promover a recuperação do PIB, proteger e retomar a geração de empregos e renda, dar oportunidade para um ambiente de organização e articulação de esforços entre as cidades, fixar recursos nos municípios, diminuir a vulnerabilidade social entre outros.  

Ainda no mês de abril, quando o Governador Ratinho Junior lançou o programa junto das entidades representativas do Estado, o presidente da FETRANSPAR e Sest Senat no Paraná, Coronel Ségio Malucelli fez a seguinte avaliação: “Vemos que esse processo precisa anteceder o plano que vai dar impulsionamento da economia no pós-pandemia”. Passados 60 dias do lançamento, o presidente avalia que o projeto já evoluiu bastante e que certamente, no momento em que a crise sanitária, provocada pela Covid-19 permitir o plano estará pronto para dar suporte aos empresários do Estado “O caminho é esse, precisamos aproveitar o tempo, agora, para construir com planejamento as estratégias e assim que a primeira oportunidade apontar para uma queda expressiva nos números de casos de Covid-19, o plano seja executado. O transporte de cargas do Paraná será agraciado com essas medidas consequentemente”, aponta o presidente.

Na última sexta-feira (26/06) mais uma nova rodada de discussões foi realizada na presença de todas as entidades representativas do Estado. Nos trabalhos operacionais, quem esteve representando a Federação foi o assessor da FETRANSPAR, Coronel Manoel Jorge Neto.

 

Comente pelo Facebook

JORNAL Jun/2020
Top