Medidas tomadas pela FETRANSPAR em meio a Pandemia do COVID-19 

Medidas tomadas pela FETRANSPAR em meio a Pandemia do COVID-19 

20 de março, 2020

Diante do avanço do COVID-19, a FETRANSPAR tem tomado diferentes medidas para tentar evitar um impacto profundo no setor de transporte de cargas do Estado do Paraná. Nos últimos dias, a Federação tomou medidas internas para proteger colaboradores e visitantes, afim de assegurar condições de saúde e desta forma poder também continuar a atender aos transportadores. 

Ainda na segunda-feira (16), em reunião com o Deputado Luiz Guerra (PSL), a Federação solicitou ao parlamentar para que apresentasse requerimento junto a Casa, o qual possibilite o transportador a utilizar do Convênio ICMS 181, de 23 de novembro de 2017, aprovado junto ao Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz). O Convênio entre Estado e União, na prática, permite que pagamento do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS), seja parcelado e ou prorrogado por um prazo de 90 dias. Os deputados aprovaram o requerimento e o enviaram à Casa Civil Estadual. 

Na última quinta-feira (19), medidas foram tomadas também em relação as unidades do SEST SENAT, com o intuito de fomentar a proteção dos seus colaboradores e dos usuários do sistema de transporte de cargas e passageiros que se beneficiam dos serviços ofertados. 

Ainda na quinta-feira (19), o presidente da Federação, Coronel Sérgio Malucelli, esteve em contato com o Presidente dos Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia. Nesta conversa, ficou definido ações específicas para atendimento dos mais de 600 caminhoneiros que entram no pátio todos os dias. Entre as medidas solicitadas e atendidas pela APPA está a disponibilização de equipe de saúde que dará assistência a motoristas suspeitos de contaminação pelo coronavírus, distribuição de kits básicos de higiene das mãos e plantonista médico para atendimento a casos urgentes. 

Também na noite de quinta-feira, o presidente da FETRANSPAR e líderes do G7 (grupo que reúne os principais players do setor produtivo do Estado) estiveram reunidos com o Governador Ratinho Junior e o Vice-Governador, Darci Piana,  para solicitar medidas que possam proteger a economia estadual. 

Na ocasião, o presidente da FETRANSPAR, entregou documento com as necessidades imediatas que o setor de transporte de cargas do Estado do Paraná necessita. 

Em âmbito nacional, a direção da Federação tem tido contato constante com a CNT, ABtC e NTC&Logística para dar suporte a informações para medidas que necessitam ser tomadas em âmbito nacional e que atenderão consequentemente as necessidades do setor paranaense de transporte de cargas. 

“Foi uma semana intensa,  de respostas rápidas na medida que o avanço da pandemia ocorre trazendo seus primeiros estragos. Estaremos atentos a cada momento para que os impactos sejam os menores possíveis, dentro de nossas possibilidades como instituição que representa o transporte de cargas no estado do Paraná”, frisa o presidente da FETRANSPAR,  Coronel Sérgio Malucelli. 

Veja na íntegra documento entregue ao governo do Paraná

Comente pelo Facebook

JORNAL Mar/2020
Top