Líderes do Paraná

Líderes do Paraná

22 de maio, 2020

“Não podemos nos curvar frente a tempestade, vamos vencer com trabalho, profissionalismo e perseverança”. Presidente da FETRANSPAR, Sérgio ‘Malucelli’, deixa mensagem de otimismo para o setor econômico paranaense durante live realizado pelo Sebrae, usando de experiência do setor de transporte de cargas do Paraná durante a pandemia Covid-19.

O presidente da FETRANSPAR e do Sest Senat no Paraná, Coronel Sérgio Malucelli, participou do painel ‘Líderes do Paraná’, realizada na manhã de hoje, em Curitiba, na sede do Sebrae. Ao lado do representante do transporte de cargas paranaense estava as líderes Darlan Scalco (presidente da AMP) e Vitor Tioqueta (Superintendente do Sebrae).

A discussão ocorreu em torno dos desafios da economia em meio a Pandemia e a Pós-Pandemia.
“Até aqui temos um cenário, pouco mais confortável em relação a outras cidades brasileiras. O que não ameniza o drama vivido por quem foi infectado ou perdeu um ente querido, mas um cenário que hoje ajuda a proteger o cidadão paranaense de todas as cidades”, avaliou o presidente da AMP, Darlan Scalco, ao iniciar as discussões.

Durante a discussão, Coronel ‘Malucelli’ destacou que o respeito a todos os profissionais e a valorização da opinião técnica de cada área ajuda o cenário a se desenrolar com mais clareza “Acredito mesmo que líderes técnicos na área de saúde e na área econômica e política devem ser ouvidos. A junção da especialidade de um, forma esse corpo protetivo e forte para combater o vírus. A pandemia ainda vai perdurar pelos próximos meses do ano, e precisamos nos manter unidos para tomarmos decisões assertivas e com impacto positivo para a sociedade”, destacou.  

‘Malucelli’ salientou ainda que a “A FETRANSPAR e o Sest Senat no Paraná, vem atuando incansavelmente para que o transporte no Estado não pare e o trabalhador possa ter suporte para realizar suas atividades com segurança. “O melhor exemplo disso foi que, durante o isolamento social, também ocorreu a safra recorde do Paraná. A mesma finalizou sem problemas de logística e o agronegócio, inclusive, junto do setor de transporte de cargas e a logística do Porto ajudou a manter a economia do Paraná”. O líder do setor de transporte ressaltou ainda a força do empresariado paranaense neste momento “Vejo que a maioria dos empresários – não só do setor de transporte de cargas – mas como um geral, deu pausa no tempo certo, respirou, se deu conta do problema e começou a agir tomando decisões assertivas. Então vejo essa união entre público e privado para se conseguir uma conscientização de todos os cidadãos e é por isso que o Paraná, até então, tem um fôlego melhor em mio a pandemia”.

Confira na íntegra o conteúdo da Live.

 

 

Comente pelo Facebook

JORNAL Set/2020
Top