CBN - Empresas apresentam propostas para manutenção das rodovias no Paraná

CBN - Empresas apresentam propostas para manutenção das rodovias no Paraná

27 de outubro, 2021

O DER-PR classificou três empresas e consórcios para a manutenção das rodovias estaduais a partir do final das concessões, no dia 27 de novembro. A manutenção será feita enquanto os novos contratos não forem assinados.

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) marcou para o dia 12 de novembro a abertura dos envelopes com os documentos de habilitação das empresas que apresentaram propostas de preços da licitação para a manutenção das rodovias estaduais do Anel de Integração após o término das concessões vigente.

Nesta segunda-feira (25), o DER-PR publicou no Diário Oficial e no Portal Compras Paraná o resultado da análise das propostas e classificou as três empresas e consórcios que apresentaram as propostas mais vantajosas em cada lote.

E por último, no lote 5, na região Oeste, as propostas são de R$ 5.249.508,80 e R$ 5.413.451,35.
Os contratos da Econorte, Viapar e Ecocataratas encerram à meia noite do dia 26 de novembro, enquanto os contratos da Caminhos do Paraná, Rodonorte e Ecovia terminam no dia seguinte, à meia noite do dia 27 de novembro.

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) postergou a previsão de assinatura dos contratos com as novas concessionárias das Rodovias Integradas do Paraná para o quarto trimestre de 2022. A consequência disso é que o estado pode ficar até um ano sem a cobrança de pedágio.

Mesmo assim, o Governo do Paraná e o Ministério da Infraestrutura já haviam sinalizado que, enquanto não houver a assinatura dos novos contratos, não haverá cobrança de pedágios no estado e que, a manutenção das rodovias será feita pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e o Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

Fonte: CBN Foto: Gilson Abreu

 

Comente pelo Facebook

JORNAL Nov/2021
Top