Pacheco sugere fundo de estabilização para conter alta do preço dos combustíveis

Pacheco sugere fundo de estabilização para conter alta do preço dos combustíveis

20 de junho, 2022

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), sugeriu a criação de um fundo de estabilização para conter a alta dos preços dos combustíveis. A ideia já foi discutida no âmbito do Ministério de Minas e Energia (MME), mas enfrenta resistência da equipe econômica.

"Se a situação dos preços dos combustíveis está saindo do controle, o Governo deve aceitar dividir os enormes lucros da Petrobras com a população, por meio de uma conta de estabilização de preços em momentos de crise", declarou Pacheco na sexta-feira (17) no Twitter.

Para Pacheco, é "inexistente a dicotomia Petrobras e Governo", uma vez que a União é acionista majoritária da estatal e sua diretoria é indicada pelo governo. "Além disso, medidas semelhantes estão sendo adotadas por outros países em favor de sua economia e de sua população", acrescentou.

O senador destacou que o Senado aprovou "inúmeras" matérias que estavam "ao seu alcance" para colaborar com o controle sobre a alta do custo dos combustíveis e cobrou "medidas rápidas e efetivas por parte da Petrobras e de sua controladora, a União".

"Já que o governo é contra discutir a política de preços da empresa e interferir na sua governança, a conta de estabilização é uma alternativa a ser considerada", concluiu Pacheco.

Fonte: Gazeta do Povo Foto: Divulgação

 

Comente pelo Facebook

JORNAL Ago/2022
Top