FROTA E CIA - Portos paranaenses terão operação sem restrição no período noturno

FROTA E CIA - Portos paranaenses terão operação sem restrição no período noturno

02 de dezembro, 2019

A partir de agora, os portos paranaenses terão operação sem restrição no período noturno. A novidade foi resultado do esforço conjunto das autoridades Portuária e Marítima, Praticagem e Operadores. Com isso, a norma de tráfego e permanência nos portos de Paranaguá e Antonina foi atualizada. As regras foram equalizadas para os dois períodos do dia.

Essa atualização trata, especificamente, do capítulo 8 das normas, que deixa igual “calado diurno e noturno”. Ou seja, permite que os navios entrem e saiam em plena carga (segundo o limite permitido), em qualquer período do dia. O calado é a medida que vai da linha ou superfície da água até o ponto mais baixa da embarcação (quilha). É o quanto o navio é autorizado a submergir, quando carregado.

Segundo o diretor-presidente da empresa pública Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, com a mudança os terminais portuários paranaenses ganham em capacidade de operação e oportunidade de novos mercados. “Vamos dar mais agilidade às rotas já operadas por aqui e ganhar novas rotas que não estavam vindo aos Portos do Paraná devido a essas restrições. Entramos no mercado operando totalmente. Os navios que chegarem vão entrar, carregar e ir embora, sem restrição”, diz Garcia.

Além disso, o diretor de Operações da Portos do Paraná, Luiz Teixeira da Silva Júnior, ressaltou a importância do transporte marítimo acompanhar o ritmo do trasnporte terrestre. “Afinal, o Porto é 24 horas; não tem restrição no trabalho em terra. O mar tem que acompanhar”.

Ele explica que essa “diferenciação” entre o calado noturno e o diurno sempre existiu nos portos paranaenses. No entanto, com a evolução da tecnologia de navegação e os investimentos em sinalização náutica essa diferença não fazia mais sentido.

Fonte: Frota e Cia Foto: Divulgação

 

Comente pelo Facebook

JORNAL Nov/2019
Top